domingo, janeiro 29, 2012

Meme: Ou isso ou aquilo

Oláa!!
Peguei esse meme do blog Leitora Compulsiva, que pegou do Silêncio Que Eu Tô Lendo e no Filmes, Livros & Séries. Eu adorei. Então, vamos lá!

Isso ou Aquilo?

1. Audiobook ou livro?
R:  Nunca me interessei por audiobook, então prefiro o livro mesmo.

2. Capa dura ou capa mole?
R: Capa dura! Porque me lembra os livros de antigamente! Tenho vários da Ágatha Christie que são de capa dura.

3. Ficção ou não-ficção?
R: Depende muito do momento, mas na maioria das vezes pego a ficção, principalmente se o livro for de alguma guerra. Eu me preparo antes de ler.

4. Harry Potter ou Crepúsculo?
R: Harry Potter, eu acho que trabalha mais com questões morais tipo lealdade, amizade, morte, etc. Mas gosto de Crepúsculo também.

5. Ebook ou livro?
R: Essa é difícil, eu gosto de pegar o livro na mão, de apreciar uma capa com relevos e brilhos. Mas também gosto da praticidade do ebook, que acho que vai ser o futuro dos livros, principalmente os antigos e de autores independentes. Mas por enquanto, o livro normal é minha escolha.

6. Comprar ou pegar emprestado?
R: Comprar. Eu sou ciumenta com meus livros, então acredito que os outros também são. Por isso são poucas as pessoas que eu empresto e pego emprestado. As pessoas que mais confio para emprestar é minha irmã e minha amiga chamada Jamile (Oi Já, aliás estou com alguns livros teus aqui, minha mãe esta lendo, rsrs)

7. Livro único ou série?
R: Sem preferências, eu gosto dos dois, mas algumas vezes acho que a tendência é ter mais séries.

8. Livraria física ou on-line?
R: Sem preferências também, às vezes quero comprar para ler no mesmo dia, ai vou na física, mas quando sai aquelas promoções on-lines, eu não resisto!

9. Livro longo ou curto?
R: Tanto faz, depende da história, mas normalmente prefiro os longos, não pelo tamanho, mas pela história mesmo.

10. Drama ou ação?
R: Também depende da fase, do momento. Depois de ler tanto drama e/ou romance, quero pegar um gênero diferente. O mesmo acontece quando leio muito ação.

11. Prefere ler no seu canto ou tomando sol?
R: Tomando sol! Acho maravilhoso ler no sol, com aquele ventinho para te refrescar um pouco.

12. Chocolate quente, café ou chá?
R: Chocolate quente com certeza. Sou viciada em leite! rsrsr...

13. Prefere ler a resenha ou decidir por si?
R: Depende do livro. Quando estou com muita vontade de ler um livro eu nem vejo resenhas, agora quando estou querendo saber mais para ver se eu vou gostar do livro, ai procuro resenhas. Mas muitas vezes conheço um livro por ver resenhas em outros blogs.

sexta-feira, janeiro 20, 2012

Beijada por um Anjo 1 - Elizabeth Chandler

Título: Beijada por um Anjo (vol.1)
Editora: Novo Conceito
Autor: Elizabeth Chandler
Ano: 2010
Número de páginas: 264


Ganhei esse livro em uma promoção no blog Acordei com vontade de ler, da Ká Guimarães, não lembro se era junto com outros blogs, era a Mega Promoção de Inverno.

Terminei o livro e ainda não decidi se gostei ou não, e isso faz um mês mais ou menos. Vou explicar.

Esse livro fala sobre Ivy e Tristan. Ivy é uma adolescente insegura, mas responsável, que tenta não chamar atenção a todo custo e acredita muito em anjos. Sua mãe está para se casar com um cara rico, que coincidentemente é pai de um menino da escola, Gregory (que parece querer ser mais que meio-irmão, se é que vocês me entendem). Seu irmão, Philip, não gosta nem um pouco dessa mudança e Ivy tenta sempre agradar a todos, irmão e mãe.

As amigas de Ivy é Suzanne e Beth. Suzanne é aquela menina que quer ser o centro das atenções, principalmente de Gregory, ela é ousada, nem um pouco tímida. Beth é quase o oposto, é na dela, não faz questão de chamar atenção, adora escrever romances tórridos e realmente se importa em ser uma amiga boa e ajudar Ivy. Já Tristan, entra na história como o nadador famoso da escola, que não é de uma família rica, que nem Gregory, não é muito ousado, nem muito seguro de si mesmo, e é 'apaixonado' por Ivy desde que a viu.

Bom, esses são os personagens. Apesar de Tristan ser apaixonado por Ivy, e as amigas de Ivy tentarem convencê-la disso, Ivy acha que é tudo somente na cabeça delas. Mas Tristan faz muita coisa para se aproximar de Ivy, inclusive dar aulas de natação para ela, que morre de medo de água. Bom, só que esse casal vai sofrer uma tragédia misteriosa (não vou falar mais, para não ter spoilers).

 Primeiro, não esperava muito do livro, não li muitas resenhas sobre ele, mas achei que ia ser no mínimo bonita a história. Depois comecei a ler. No começo achei um pouco adolescente demais, aí em algumas cenas percebia que havia uma história por trás de tal fato que poderia ser muito interessante. No começo do livro, Gregory é meio estranho, e nada confiável, principalmente com Ivy, de repente parece que a história muda e Gregory é outra pessoa e Ivy esquece tudo de antes.

Ai do nada, o livro acaba. Do nada mesmo. Tipo: "Ivy observa Sr. X e Sr Y brigarem." e ponto, acaba. Achei isso horrível, acredito que poderiam ter terminado antes, então. Você fica o livro inteiro enrolando e de repente quando começa a ficar mais emocionante, e começam a falar do mistério que envolve a tragédia, e pronto. Acabou.

Enfim, achei que enrolou muito no começo e acabou muito abruptamente. Então, da mesma forma que fui me surpreendendo com a história, me decepcionei com o livro, a técnica. Massss.... eu com certeza vou ler o segundo da série (vai entender, né?). E se me perguntarem "Você recomenda esse livro?", irei dizer: sim, mas tenha paciência e compre os dois primeiros volumes de uma vez. Isso porque acho que a história tem muito potencial, vamos ver como é o desdobramento nos próximos livro. É isso. =)

terça-feira, janeiro 10, 2012

Sorte ou Azar - Meg Cabot

Bom, demorei muito para escrever essa resenha. Primeiro, porque todo mundo ama Meg Cabot. Segundo, porque eu odiei o livro.

Não xingue, todo mundo tem direito de ter sua opinião e essa é a minha. Primeiro, Jean, ou Jinx é a personagem principal, uma menina toda insegura que aparentemente anda cheia de azar. Vários eventos da vida dela confirmam que ela é azarada, e por isso chamada de Jinx. Ok! Ai ela se muda para a casa da prima, Tory. E Jinx, sendo toda inocente, fechada, insegura e azarada, se assusta com os jovens rebeldes amigos de Tory. Enquanto Jinx tenta seguir sua vida normalmente sem "causar" qualquer problema, Zach, amigo de Tory se torna mais próximo dela. O que causa ciúmes em Tory, que é apaixonada por Zach. Por conta disso, Tory começa a pegar no pé da Jinx, ameaçando e fazendo com que sua prima encare o passado de sua cidade, o motivo pela qual foi morar. Ah e detalhe, Tory se acha a bruxa. Sim, o livro é de bruxaria.

Ok, vou explicar porque não gostei. Porque o livro enrola no começo e acaba do nada. Achei as personagens fracas, Jinx é aquela menina inocente e muito insegura, que lógico acha que Zach só está sendo simpático e talvez seu amigo, mas nunca pensa na possibilidade dele estar apaixonado por ela. Tory, e a menina rebelde, do tipo líder do grupinho de bruxas.

A história é totalmente previsível e não gostei, ler sabendo o que vai acontecer, é muito clichê e não suspreendeu em nada, nem foi emocionante. A parte em que Jinx toma uma atitude é muito fraca. E parece que a história não tem uma evolução. Bruxaria? Bem pouco, enrola mais na parte da Jinx insegura, tentando descobrir o que acontece com ela, com Tory e com Zach.

Bom, é isso, eu não gostei. Não sei se sou a única, mas essa é minha opinião. Achei o livro fraco e quando terminei de ler achei total perda de tempo e dinheiro.

E por ser o primeiro livro que li da Meg Cabot, fico com receio de pegar outro livro dela (fãs de Meg Cabot vão me matar?). Por mais que eu escute de todos, minha irmã, amigas e blogueiros, que leram outros livros da autora e acham muito bons, fico com o pé atrás. Às vezes penso que eu devo ter lido com a expectativa muito grande pela autora e por isso me decepcionou tanto.

A série A Mediadora e o livro Insaciável, são os que TALVEZ pegaria para ler, ou os livros escritos pelo nome de Patrícia Cabot. Mas esse é um TALVEZ bem grande, que fica em último na minha lista de desejados.

Enfim, não recomendo, esse livro. Sorry.

segunda-feira, janeiro 02, 2012

Recomendo #1

Olá!

Bom, comecei 2012 com o pé direito, super empolgada com livros novos, com lançamentos e até com ideias para o Blog! Agradeço todo mundo que me desejou feliz 2012 no post anterior.

Eu ia postar uma resenha hoje, mas depois de muito pensar resolvi colocar links de outros blogs, cujos posts são de lançamentos para 2012, retrospectivas, metas, etc. Enfim, posts desse final/começo de ano que eu achei muito interessantes. São blogs que eu sigo e recomento vocês darem uma olhada pelo menos nos posts abaixo.

Bookaholic - Coluna das Gêmeas #56 - Vem por aí
(Porque adorei os lançamentos, e as capas são lindas)

Blog da Editora Underworld - Primeiro post do ano
(Porque eu adoro a Editora e pela sinceridade do post)

Literalmente Falando - 2 anos de Literalmente Falando
(Porque esse post me inspirou, achei demais)

Equalize da Leitura - Retrospectiva Literária
(Porque me identifiquei muito com as escolhas)

E se você é o autor de algum desses blogs e não gostou de estar aqui, pode pedir que eu tiro (e sorry).

E você que é um dos meus 80 e poucos seguidores do blog, dica: já assinaram os posts para receber por e-mail? É muito prático! Recomendo que todos os blogs tenham esse recurso [desabafo mode: on]. Tenho uma conta de e-mail só para o blog, e para receber os posts de outros blogs que eu gosto!

E mais, estou preparando algumas resenhas um pouco polémicas (Ai!) e algumas mais terror, suspense e menos chick-lit (mas calma, chick-lit sempre estará aqui, já que é um dos meus gêneros favoritos), assim mantenho uma frequencia maior de posts também.

Pronto. Por enquanto é só. Espero que gostem dos posts desse ano! XD